Genial Care

Pesquisar
Dias
Horas
Minutos
Duas crianças estão sentadas no sofá com seus respectivos aparelhos celulares. Uma olha fixamente para a tela do aparelho, enquanto outra dá uma piscadela em direção a câmera. Elas brincam com aplicativos para autismo

Aplicativos para autismo: conheça 3 apps que auxiliam na rotina da criança

Fazer uso de aplicativos para autismo pode ser uma alternativa como suporte visual, um grande aliado na jornada de desenvolvimento da criança com TEA, além de oferecer previsibilidade da rotina.

Os apps são benéficos, principalmente, pelo recurso dos aplicativos serem voltados para a comunicação com a pessoa cuidadora, o que facilita o além de estimularem o lado lúdico da criança, que é responsável por também incentivar a imaginação.

São inúmeros os aplicativos para autismo destinados para o público infantil, mas neste artigo separamos 3 indicações geniais para você utilizar com sua criança para construir uma relação saudável de rotina.

Matraquinha

Um dos aplicativos para autismo mais bem avaliados no Google Play e na Apple Store é o Matraquinha, um app de Comunicação Alternativa, que tem o objetivo de ajudar crianças e adolescentes com TEA a transmitirem seus desejos, emoções e necessidades. Ele contribui para a independência e autonomia da criança, ajudando-a a expressar e nomear as emoções.

Por meio dele, a criança se comunica com figuras e cartões que, ao serem clicados, reproduzem uma voz do que a criança deseja transmitir. Por exemplo: a criança está com fome, então ela clica na figura do prato de comida e o aplicativo reproduz a frase: estou com fome!

O Matraquinha é um aplicativo acessível, indicado para crianças de qualquer idade e classe social, além de não precisar do Wi-fi para funcionar, podendo ser usado em qualquer situação. Ele possui um sistema de voz humanizada, e recebe atualizações frequentes, por isso há muitas frases que envolvem atividades da vida diária.

Veja nosso papo com Grazi e Wagner Yamuto, os criadores do aplicativo Matraquinha:

Livox

Vencedor do prêmio ONU de inclusão, o aplicativo para autismo brasileiro Livox também usa da Comunicação Alternativa por meio de imagens para auxiliar na comunicação da criança com as pessoas cuidadoras. A diferença, é que os próprios usuários podem contribuir e adicionar imagens, e isso aumenta o banco de dados do app.

O Livox é focado em transmitir desejos, sentimentos e necessidades da criança com TEA, e suas funções também são adaptadas de acordo com o nível de suporte da criança. Além disso, o app permite que o usuário adicione as próprias imagens, vídeos e sons, dessa forma, é possível adaptar a rotina de acordo com as singularidades da criança e da família.

Além de auxiliar pessoas com TEA, o Livox também tem outros quadros de apoio para PCDs (Pessoas Com Deficiência), que se adaptam pela necessidade, por exemplo: não é preciso clicar na figura para se comunicar, pois existe a opção de piscar com os olhos e selecionar o que deseja; isso auxilia para as pessoas que possuem a mobilidade reduzida.

Jade Autism

Já pensou em aprimorar a cognição da sua criança por meio de jogos? Isso é possível com o app Jade Autism. Por meio de jogos de associação ou da memória, a criança estimula a percepção visual, isto é: a criança desenvolve a capacidade de selecionar, organizar e dar significado e sentido ao que está sendo visto.

É importante lembrar que todo conteúdo e jogos foram adaptados por profissionais clínicos especializados, juntamente com um time de tecnologia para tornar acessível o uso do app.

Dentro do Jade Autism há diferentes temas e categorias como: alimentos, animais, cores, formas, letras e números. Dessa forma, as crianças criam identificação com o que está ligado ao dia a dia delas, enquanto se divertem.

A tecnologia como aliada

São inúmeros os benefícios de fazer o uso da tecnologia como suporte na jornada de desenvolvimento da criança com TEA; claro que quando ela é feita de forma adequada, ou seja, onde a estratégia se torna inovadora para o complemento dos tratamentos e terapias.

Acaba sendo um diferencial – bem divertido – para as crianças aprenderem de forma lúdica em um ambiente projetado para o desenvolvimento de habilidades e competências importantes na vida do ser humano.

Modelagem em vídeo

Quando falamos sobre a tecnologia como aliada para pessoas com TEA, não podemos deixar de falar sobre modelagem em vídeo (MV), uma prática baseada em evidências (PBE) que também utiliza estratégias de ensino por meio de suportes visuais, com o intuito de desenvolver habilidades comunicativas.

A modelagem em vídeo são do que as atividades da modelação que ficam gravadas no formato de vídeo, ou seja, são as atividades e exercícios que seriam feitas presencialmente, ao lado de uma criança, mas que com o auxílio da tecnologia podem ser filmadas e transmitidas por meio do celular, tablet, computador, etc.

O benefício dessa prática é fortalecer o aprendizado e integrá-lo dentro do cenário tecnológico que a criança autista, aumentando os aprendizados de forma facilitada com ajuda da tecnologia, com a qual muitas crianças estão acostumadas.

Aqui em nosso blog já falamos sobre outras práticas baseadas em evidências que são benéficas para as crianças e até para as famílias. Que tal conhecer mais sobre elas? Clique no botão abaixo e navegue por nossos conteúdos!

Conheça nosso atendimento para autismo

Esse artigo foi útil para você?

Cássio usa camiseta com número em alusão ao Autismo Câmara aprova projeto que visa contratação de pessoas autistas Marcos Mion visita abrigo que acolhe pessoas autistas no RS Existem alimentos que podem prejudicar a saúde de pessoas autistas? Escala M-CHAT fica de fora da Caderneta da Criança O que são níveis de suporte no autismo? Segunda temporada de Heartbreak High já disponível na Netflix Símbolos do autismo: Veja quais são e seus significados Dia Mundial de Conscientização do Autismo: saiba a importância da data Filha de Demi Moore e Bruce Willis revela diagnóstico de autismo Lei obriga SUS a aplicar Escala M-chat para diagnóstico de autismo Brinquedos para autismo: tudo que você precisa saber! Dia internacional das mulheres: frases e histórias que inspiram Meltdown e Shutdown no autismo: entenda o que significam Veja o desabafo emocionante de Felipe Araújo sobre seu filho autista Estádio do Palmeiras, Allianz Parque, inaugura sala sensorial Peça teatral AZUL: abordagem do TEA de forma lúdica 6 personagens autistas em animações infantis Canabidiol no tratamento de autismo Genial Care recebe R$ 35 milhões para investir em saúde atípica Se o autismo não é uma doença, por que precisa de diagnóstico? Autismo e plano de saúde: 5 direitos que as operadoras devem cobrir Planos de saúde querem mudar o rol na ANS para tratamento de autismo Hipersensibilidade: fogos de artifício e autismo. O que devo saber? Intervenção precoce e TEA: conheça a história de Julie Dutra Cezar Black tem fala capacitista em “A Fazenda” Dia do Fonoaudiólogo: a importância dos profissionais para o autismo Como é o dia de uma terapeuta ocupacional na rede Genial Care? O que é rigidez cognitiva? Lei sugere substituição de sinais sonoros em escolas do Rio de janeiro 5 informações que você precisa saber sobre o CipTea Messi é autista? Veja porque essa fake news repercute até hoje 5 formas Geniais de inclusão para pessoas autistas por pessoas autistas Como usamos a CAA aqui na Genial Care? Emissão de carteira de pessoa autista em 26 postos do Poupamento 3 séries sul-coreanas sobre autismo pra você conhecer! 3 torcidas autistas que promovem inclusão nos estádios de futebol Conheça mais sobre a lei que cria “Centros de referência para autismo” 5 atividades extracurriculares para integração social de crianças no TEA Como a Genial Care realiza a orientação com os pais? 5 Sinais de AUTISMO em bebês Dia das Bruxas | 3 “sustos” que todo cuidador de uma criança com autismo já levou Jacob: adolescente autista, que potencializou a comunicação com a música! Síndrome de asperger e autismo leve são a mesma coisa? Tramontina cria produto inspirado em criança com autismo Como a fonoaudiologia ajuda crianças com seletividade alimentar? Genial Care Academy: conheça o núcleo de capacitação de terapeutas Como é ser um fonoaudiólogo em uma Healthtech Terapeuta Ocupacional no autismo: entenda a importância para o TEA Como é ser Genial: Mariana Tonetto CAA no autismo: veja os benefícios para o desenvolvimento no TEA Cordão de girassol: o que é, para que serve e quem tem direito Como conseguir laudo de autismo? Conheça a rede Genial para autismo e seja um terapeuta de excelência Educação inclusiva: debate sobre acompanhantes terapêuticos para TEA nas escolas Letícia Sabatella revela ter autismo: “foi libertador” Divulgação estudo Genial Care O que é discalculia e qual sua relação com autismo? Rasgar papel tem ligação com o autismo? Quem é Temple Grandin? | Genial Care Irmãos gêmeos tem o mesmo diagnóstico de autismo? Parece autismo, mas não é: transtornos comumente confundidos com TEA Nova lei aprova ozonioterapia em intervenções complementares Dicas de como explicar de forma simples para crianças o que é autismo 5 livros e HQs para autismo para você colocar na lista! Como é para um terapeuta trabalhar em uma healthcare? Lei n°14.626 – Atendimento Prioritário para Pessoas Autistas e Outros Grupos Como fazer um relatório descritivo? 7 mitos e verdades sobre autismo | Genial Care Masking no autismo: veja porque pessoas neurodivergentes fazem Como aproveitar momentos de lazer com sua criança autista? 3 atividades de terapia ocupacional para usar com crianças autistas Apraxia da fala (AFI): o que é e como ela afeta pessoas autistas Por que o autismo é considerado um espectro? Sala multissensorial em aeroportos de SP e RJ 18/06: dia Mundial do orgulho autista – entenda a importância da data Sinais de autismo na adolescência: entenda quais são Diagnóstico tardio da cantora SIA | Genial Care Autismo e futebol: veja como os torcedores TEA são representados MMS: entenda o que é o porquê deve ser evitada Tem um monstro na minha escola: o desserviço na inclusão escolar Autismo e esteriótipos: por que evitar associar famosos e seus filhos Diagnóstico tardio de autismo: como descobrir se você está no espectro? Autismo e TDAH: entenda o que são, suas relações e diferenças Eletroencefalograma e autismo: tudo que você precisa saber Neurodivergente: Saiba o que é e tire suas dúvidas Como ajudar crianças com TEA a treinar habilidades sociais? Prevalência do autismo: CDC divulga novos dados Show do Coldplay: momento inesquecível para um fã no espectro Nova temporada de “As Five” e a personagem Benê Brendan Fraser e seu filho Griffin Neuropediatra especializado em autismo e a primeira consulta Dia da escola: origem e importância da data comemorativa Ecolalia: definição, tipos e estratégias de intervenção Park Eun-Bin: descubra se a famosa atriz é autista Síndrome de Tourette: entenda o que aconteceu com Lewis Capaldi 10 anos da Lei Berenice Piana: veja os avanços que ela proporcionou 7 passos para fazer o relatório descritivo da criança com autismo Diagnóstico tardio de autismo: conheça a caso do cantor Vitor Fadul